O que é EAN (European Article Number)?

O que é EAN (European Article Number)? post thumbnail
0 Comentários

O EAN, sigla para a expressão European Article Number, com sua tradução para o português como Número Europeu do Artigo, pode ser entendido como a numeração e o próprio código de barras de um produto.

Atualmente o mais correto é a nomenclatura GTIN, que engloba todos os modelos de códigos de barras existentes, que diferem na quantidade de dígitos.

Como o EAN possui uma numeração com 13 no total, dentro de seu englobamento pela GTIN, é mais apropriado o termo EAN-13, relativo ao seu tamanho.

A cada dia mais, será mais comum sua exigência no mercado, assim como já ocorre em algumas grandes empresas, lojas e varejos, como a gigante Amazon.

Isso porque, o EAN permite o acesso a informações precisas e rápidas de qualquer produto com cadastro realizado.

Eles também podem ser chamados de ID do produto em alguns relatórios, e são fundamentais para um rastreio automático de um produto.

Eles “falam” a linguagem universal dos bits da informática, por isso são difundidos mundialmente.

Na imagem acima, é possível visualizar um código de barras com seu respectivo código número de 12 dígitos, isto é, um EAN.

Basicamente os dois códigos são a mesma coisa, o que muda aí são os modos e métodos pelos quais eles são interpretados.

Eles possuem padrões próprios de criação, onde os três primeiros dígitos representam o país no qual o produto foi cadastrado, e no caso 789 se refere ao Brasil.

A instituição que oficialmente é responsável pela distribuição e organização dos EAN, e também dos demais GTIN, é a GS1.

Entendo o que é EAN

Apesar de ainda ser usado, a tendência é que com o passar dos anos essa nomenclatura seja cada vez mais substituída pela mais atual, a GTIN.

Ambas referem-se às mesmas coisas, e o grande diferencial é o que o GTIN é mais amplo, pois foi criado justamente para englobar o EAN e seus similares espalhados pelo mundo.

Como já dito anteriormente, o EAN é o conjunto de código de barras, com seus respectivos  dígitos utilizados para representar todos os produtos comercializados.

O que ocorre é que, apesar de ser usado em diversos países, como em seus criados da Europa e inclusive no Brasil, há outras regiões que não o adotaram.

E o caso mais importante é a maior potência mundial, os Estados Unidos da América, que junto ao Canadá, possuem o chamado UPC.

EAN e UPC

Na verdade, apesar de assim ser considerado, são os europeus que não utilizam o código UPC.

Pois deve-se levar em conta que foram os norte-americanos que criaram o código, que posteriormente foi modificado na Europa.

Basicamente, uma das únicas diferenças entre o EAN e o UPC é a quantidade de dígitos que os compõem.

Isso porque, a versão européia possui 13 dígitos e a original dos EUA conta apenas com 12. Essa diferença se deve a inclusão do dígito verificador ao final do código.

Espero que tenha gostado do conteúdo deste artigo, e caso ainda tenha alguma dúvida sobre o tema, basta deixá-la aqui nos comentários, que nossa equipe prontamente irá saná-la.

Categoria:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *